Meus olhares vão além de um único universo, passeio por sonhos, desejos, fetiches, sentimentos...olhando o mundo de forma livre...da forma como mulher que sou.
"A partir do momento que você descobre realmente a pessoa que você é, o que falam sobre você já não tem tanta importância assim." Caio F. Abreu

terça-feira, 12 de julho de 2011

Cansa sentir quando se pensa



Cansa sentir quando se pensa.
No ar da noite a madrugar
Há uma solidão imensa
Que tem por corpo o frio do ar.

Neste momento insone e triste
Em que não sei quem hei de ser,
Pesa-me o informe real que existe
Na noite antes de amanhecer.

Tudo isto me parece tudo.
E é uma noite a ter um fim
Um negro astral silêncio surdo
E não poder viver assim.

(Tudo isto me parece tudo.
Mas noite, frio, negror sem fim,
Mundo mudo, silêncio mudo -
Ah, nada é isto, nada é assim!)

Fernando Pessoa

4 comentários:

atena de Eros disse...

§ яєßє¢α de O AMO § deixou um novo comentário sobre a sua postagem "Cansa sentir quando se pensa":

"Tudo isto me parece tudo."

Hum... Fernando Pessoa... bela escolha!
Lindo demais, assim como vc!
Beijos e mais beijos


P.S.: Beca, desculpe qdo fui clicar pra publicar cliquei errado...mas taí o seu comentário rs..bjs.

{catlin}_DS disse...

linda tem selo pra vc no blog

Sophys_S.A. disse...

Amiga seu cantinhu tah lindo D+!
Bom vim aki...

Bjks

{Júlia}Domador disse...

atena,

saudade do cê menina... muito quietinha, sentindo em vc certa tristeza, talvez pela escolha do poema... não desanime conflitos e qustionamentos... A razão nem sempre em conjunto com o coração... ihhh a lista é grande e todos os itens fazem parte desse cotidiano, parece que sempre ficamos em xeque tentando descobrir o que é melhor... de repente to falando também um monte de besteira, mas sei lá, achei tão emblemático a escolha desse poema...

Bem ando por aqui pelas vizinhanças precisando de alguém pra rir um pouquinho me chama e também ao luis... rsrs

uma semana de luz pra ti

bjuuussss