Meus olhares vão além de um único universo, passeio por sonhos, desejos, fetiches, sentimentos...olhando o mundo de forma livre...da forma como mulher que sou.
"A partir do momento que você descobre realmente a pessoa que você é, o que falam sobre você já não tem tanta importância assim." Caio F. Abreu

domingo, 6 de junho de 2010

A Dor de perder um Dono


Para essa dor parece não haver palavras suficientes ou estado que a descreva com perfeição. Foi assim que eu me senti ao perder meu Dono, meu primeiro Dono dentro do BDSM. O mundo pareceu parar, o ar não circulava, dia e noite não tinham um começo nem fim, nada parecia fazer sentido, fiquei completamente perdida, desorientada. Vivia simplesmente por não haver outra alternativa, havia horas que queria desesperadamente arranca-lo com tudo o que significou de dentro de mim outras queria que nada saísse do lugar, um dilema que me acompanhava onde estivesse. Emagreci, pois não comia, bem já não comia direito antes e quando fiquei sem ele pior foi, alias tudo era pior e maior. O buraco não fechava, ao contrário parecia se abrir cada dia mais, sangrava...doía...tudo parecia para sempre...eterno...assim como a relação onde eu tinha plena certeza que seria única, meu primeiro e único Dono, não teria jamais outro caso viesse a terminar, mas tinha em mim que nunca terminaria...aquele pra sempre que temos a mania de colocar em nossas vidas e depois acabamos nos machucando com ele. Bem, aqui não foi diferente. Arrastei-me por dias e noites como um zumbi que arrasta suas correntes, no caso as minhas correntes estavam ali ligadas a Ele e assim sempre o seria, pensava, seguia esquecida de mim, de quem eu era, do que queria, nada vazia sentido, minha vida havia sido entregue a Ele, aos seus cuidados, a sua condução. Todas as circunstâncias que envolveram nossa relação parecia pequeno diante esse vazio, como uma relação que durou tão pouco, alguns meses e não anos, podia ter tal efeito?...por que essa carga tão intensa?. Mas, o tempo, o bom e velho amigo tempo, sábio como é, cuida de tudo, mostra-nos que o pra sempre é muito vago quando se trata de sentimentos, que o mundo gira e não para jamais, que a cada dor imposta virá com ela um aprendizado que nos fortalecerá e amadurecerá, que podemos ficar de joelhos mas não caímos completamente, nos reerguemos com cicatrizes fechadas porém presentes para que não esqueçamos a lição aprendida, a dor sofrida, e assim tenhamos outros tombos diferentes daqueles, pois pensar que não cairemos mais é totalmente utópico, os tombos irão acontecer sempre, o que muda é sua forma, sua força e como encaramos ele. Sobrevivi, voltei a sentir o doce aroma da vida aos poucos, para não sufocar logo de cara, olhava diariamente as cicatrizes e as via se fechando, a dor diminuindo, já não sangrava mais...então pensei: hora de partir pra outra, procurar novo Dono, mas não é tão fácil assim, logo de primeira encontrei um Dominador, que após umas horas de conversa pelo MSN disse-me: você ainda esta muito ligada ao seu ex-Dono...pronto, pensei...a ferida vai abrir de novo, já posso até ver o buraco crescendo...agradeci-lhe e não nos falamos mais...era verdade, ainda não era a hora, não estava pronta ou ainda não havia encontrado Alguém que me fizesse sentir novamente a alegria na entrega. Não é nada fácil esse recomeçar, seja em qualquer tipo de relação, e aqui parece mais difícil ainda, a intensidade é sufocantemente maior, mas as coisas boas ficaram e as ruins serviu de aprendizado, tive um Dono bom no contexto geral e infelizmente o “e foram felizes para sempre” é história de conto de fadas sem noção da realidade. Aprendi muitas coisas com Ele e vivemos nossa história de forma plena, apenas nossos caminhos não poderiam mais seguir juntos. Calmamente, sem pressa fui voltando a viver, a respirar sem dor, a ter vontade de ser feliz. Hoje, as cicatrizes estão aqui para me lembrar, mas não doem nem sangram mais, são meras lembranças. O intervalo do que houve entre a volta a vida e o hoje deixo para outra vez...mas posso dizer que agora tenho um DONO lindo e maravilhoso, meu DONO DARIUS, que esta sempre junto à mim, me apoiando e ajudando para que eu cresça não apenas como SUA serva mas como ser humano também, meu segundo DONO, sempre atento a tudo que me envolva, com SEU jeito suave e duro ao mesmo tempo, jeito este que me fascina e encanta, um DONO que me conquistou e me conduz sem que eu tenha medo pois confio em SEU domínio...a alegria da entrega nasceu novamente em mim, e não vou dizer que será o último ou para sempre, vivemos cada dia por vez, sentindo o prazer de cada momento que desfrutamos juntos, digo então apenas aquela velha frase do poeta: “que seja infinito enquanto dure...", mas cá entre nós espero que dure muito.

by {cristal}_DARIUS

15 comentários:

Hellena disse...

Cristal,

Adorei o post e acho que terminar uma relação de D/s seja mto mais dolorida do que uma relação baunilha, pq nossa entrega, dedicação, comprometimento são mto mais intensos ... mas como vc mesmo disse o tempo cura tudo.

Parabéns pelo blog e pela coragem de recomeçar.
Tenha uma linda semana, querida!
Bjsssssss
Hellena

{cristal}_DARIUS disse...

Linda Hellena,
Terminar uma relação é muito difícil e para nós mais ainda como disse, pois nosso envolvimento e entrega são muito mais intensos do que em uma relação baunilha. Fins sempre irão existir e com eles a dor, mas o que vale é que a cada dor sofrida aprendemos algo que com certeza nos ajudará mais à frente.

Obrigada pela visita e pelas belas palavras.
Uma semana iluminada para ti!

Beijos!

Darius disse...

O fim é o ciclo de uma jornada, onde se espera que haja aprendizado. Fico feliz, que tenha superado tudo isso, mas fico mais feliz que tenha passado por isso e tirado uma lição, que tenha aprendido. Tudo nessa vida tende a passar, toda dor e todo amor, mas o conhecimento, assim como as lembranças, é eterno.

{rebeca}_L.B. disse...

Linda Cristal!
Sua história se parece muito com a minha. Sei exatamente como vc se sentiu e se sente. Sorte a nossa poder levantar depois de uma queda tão intensa e caminhar ao lado de nossos atuais Donos. Se conseguimos isso, é porque somos de verdade SUBMISSAS em essência! Parabéns a nós, minha doce Cristal. Hoje completo mais um mês com o Lord Bondage, Dono maravilhoso em todos os aspectos e que me faz crescer a cada segundo como Sub e como Mulher; imagine a minha felicidade...E que nós possamos merecer os séculos ao lado Deles, né?! Boa semana
Beijos carinhosos a vc e saudações ao teu Dono e Senhor

{cristal}_DARIUS disse...

DONO...

Me conheces bem, sabe o significado de cada uma dessas palavras colocadas no texto, e sabes o quanto foi e é importante durante todo esse ciclo...todo esse aprendizado. Hoje estar CONTIGO, LHE pertencer é algo muito significativo para mim, aprendo todos os dias junto a TI... a SUA paciência em todo meu processo...a SUA amizade...o SEU companheirismo...SUA postura digna e transparente...
Meu aprendizado ao SEU lado é constante, sei que tudo tem seu tempo e passa, nada além o conhecimento e lembranças são eternos.

{cristal}_DARIUS disse...

Querida {rebeca},

Realmente somos submissas de sorte, cair e poder levantar ao lado de Donos maravilhosos como os que temos agora rs, mas esses tombos nos foram uma grande lição não é mesmo?!
Nossa submissão se fortaleceu com esse aprendizado...bom tê-la aqui e dividirmos um pouco da nossa história...
E que esse seja apenas mais um mês de muitos outros que virão, sempre repletos de felicidades e prazeres SM ao lado de quem nos é tão importante...nossas fontes vitais rs... nossos Donos!

Beijos,
Linda semana!

{kailla}a kdella® de Atila disse...

Pois é minha querida Cristal, já dizia a música do Legiao Urbana:"...Se lembra quando a gente chegou um dia a acreditar, que tudo era pra sempre, sem saber, que o 'pra sempre', sempre acaba..."
A vida só faz sentido pela sua renovaçao, então quando um ciclo se fecha, a gente se fortalece e se fortalece pra dar início a outro. Felicito-a pela força e coragem de recomeçar, e dar início a um novo capítulo de sua própria história.
beijos para uma linda semana querida. Sds à teu Senhor.

ynne sub disse...

Amiga, perder é sempre uma dor inexplicável, quando falamos da dor da perda de um Dono é realmente muito complicado, pois perdemos rumos, direção, perdemos um pouco de nós mesmas, mas levantar-se é para os fortes e determinados a serem felizes, pois o recomeço é sempre uma etapa dificil mas extremamente prazerosa a quem sabe vive-la...

beijos de muita saudade...

ynne...

Catlin disse...

Olá linda, sua história parece um pouco com a minha, mais aindanão encontrei a pessoa que me fizesse sentir tudo isso novamente, quando terminei com meu primeiro DOm me sentia sem forças para continuar, mais nada como o tempo para mostrar a força que temos...
Beijos doces!!!

Aninha do DOM P.A.C disse...

Querida {cristal}
Fiquei muito feliz com sua visita, Aliás vc é muito bem vinda!!!
Lindo post. Obrigada por dividir conosco suas experiências.
Beijos.
Respeitos ao Seu Dono.

{cristal}_DARIUS disse...

Querida {kailla},
O "pra sempre, sempre acaba"...e com isso aprendemos que a vida é feita de momentos felizes, e devemos aproveitar ao máximo cada um desses momentos e aprender com os ruins. Cair faz parte de qualquer aprendizado, e levantar-se sempre também deve fazer parte.

Beijos doces a ti!

{cristal}_DARIUS disse...

ynne,
Você sabe bem o que é essa dor, mas devemos ter em mente que tudo passa por pior que seja a tempestade virá o dia de sol...é sempre assim, o tempo conspira a nosso favor, só temos que acreditar.

Beijos doces!
Saudades?! fala sério...fala comigo quase todos os dias rsrs

{cristal}_DARIUS disse...

Catlin...

Acho que essa história acaba se parecendo com muitas dentro do BDSM, pois assim como há a alegria do encontro também há a dor da separação, e esta aqui no nosso caso é muito intensa...muito mais ampla e forte do que em outro tipo de relação...também pensei que jamais iria encontrar outro Dom que despertasse em mim o desejo da entrega total e plena...mas aconteceu e esta sendo lindo. Você também irá encontrar aquele Dom que a conduzirá por esse caminho mágico novamente...confie!

Beijos doces.

{cristal}_DARIUS disse...

Aninha,
Prazer imenso recebe-la aqui! Seja bem vinda sempre.
Eu é quem agradeço por poder compartilhar um pouco de mim com vocês...

Beijos doces!

{♥Åññä Lµí§ä♥}_L€ØNARÐØ disse...

Boa Noite!
Vim agradecer sua visita
e seu comentário em meu Blog:)
Beijos...